Como montar uma empresa júnior

Montando empresa júnior

Montando empresa júnior

Quer saber como montar uma empresa júnior? Antes de mais nada, é importante saber que uma empresa júnior é uma associação de alunos de escolas técnicas ou superiores montada dentro da instituição com o objetivo de fornecer uma experiência inovadora em diversos campos de atuação.

A empresa júnior contribui ativamente para o desenvolvimento da sociedade a qual está inserida, oferecendo serviços de baixo custo para a comunidade local. Montar uma associação desse tipo na sua universidade ou escola técnica depende de alguns fatores importantes.

Para quem busca dicas de como montar uma empresa júnior, fique atento às informações a seguir. Boa comunicação e administração são alguns dos requisitos básicos para fazer esse empreendimento funcionar e se tornar uma empresa de fato, com uma margem lucrativa que sustente o seu crescimento.

Passo a passo sobre como para montar uma empresa júnior

1. Seja influente na sua comunidade estudantil

As empresas juniores são associações sem fins lucrativos dentro do campus universitário e de escolas técnicas. Para ter sucesso, é necessário primeiramente possuir um grupo de pessoas interessadas no mesmo objetivo. Por isso, converse com seus colegas e procure por alunos com os mesmos interesses, ou seja, que desejem aprender, ganhar experiência e compreender um pouco mais sobre o universo administrativo de uma companhia.

2. Converse com a administração de sua universidade

Todas as universidades e centros estudantis possuem um departamento exclusivo para tratar das empresas juniores. Por isso, converse com o setor administrativo responsável e conheça um pouco mais sobre a política local de criação de associações entre estudantes. Sem dúvida, você vai obter informações importantes e relevantes sobre o processo para estabelecer a sua empresa. Geralmente, as universidades possuem uma área exclusiva, chamada de incubadora de empresas, onde os alunos podem se reunir para definir as estratégias e táticas para a instauração da empresa.

3. Crie um plano de negócios

Assim como qualquer outro negócio, a criação de um plano de negócio detalhado é fundamental para garantir o crescimento e sucesso do empreendimento. Quando estiver tudo acertado com a administração universitária, é hora de definir os parâmetros de sua nova empresa. Marque uma reunião com os colegas e estudem quais serviços serão prestados, como serão prestados, qual o custo e vários outros detalhes pertinentes ao crescimento e manutenção do negócio. Por ser uma atividade sem fins lucrativos, os produtos ou serviços não são cobrados da sociedade. No entanto, isso pode variar de acordo com o tipo de serviço e da política empregada pela universidade ou centro estudantil.

4. Tenha seriedade e compromisso

Assim como qualquer outra empresa, as empresas juniores requerem um alto nível de compromisso de todos os “funcionários” envolvidos. Vale ressaltar a importância da divisão correta das funções e cargos pré-estabelecidos.

Montar uma empresa júnior é o primeiro passo para aprender sobre a abertura de uma empresa formal no mercado. A grande vantagem desse formato é que o investimento feito é mínimo e todos os envolvidos têm a oportunidade de aprender a administrar de uma maneira descomplicada. Com o tempo, se a empresa júnior crescer de forma saudável e sustentável, é possível criar uma empresa formal que gere benefícios para a sociedade e renda para os profissionais envolvidos.

FONTE:Destino Negócio

0 Comentários

Envie uma Resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

CONTACT US

We're not around right now. But you can send us an email and we'll get back to you, asap.

Enviando

© [2017] Blog da Inovação - Tecnologia, Criatividade, Inovação .

Fazer login com suas credenciais

Esqueceu sua senha?